VOCÊ JÁ OUVIU FALAR DE WEB-DRAMAS?


Os dramas baseados na web há muito tempo são considerados conteúdo de segunda categoria, em comparação com os programas de TV. Se há algo de positivo sobre o conteúdo on-line, ele serviu como um trampolim para atores e atrizes desconhecidos darem um salto em direção às suas carreiras na TV.

Na era digital, essa dispensa de conteúdo on-line está prestes a terminar. Alguns dramas na internet são imensamente populares, especialmente entre os adolescentes, levando o conteúdo baseado na web a emergir como um criador de tendências.

Os web-dramas estão disponíveis para transmissão on-line e têm tempos de execução relativamente curtos. Originalmente baixo orçamento e baixa qualidade, recentemente eles se tornaram fortes o suficiente para permanecer no ar por várias temporadas.

De acordo com o "Playlist", o produtor do drama para adolescentes "A-Teen", no YouTube, seis episódios ganharam mais de 35 milhões de visualizações no total dentro de duas semanas de sua estréia em 25 de abril.

"A cultura adolescente retratada em programas de televisão é geralmente desatualizada e os produtores acham difícil incorporar à história", disse um funcionário de uma empresa de radiodifusão, cujo nome não foi divulgado. "Os web-dramas são vistos como bregas no início, mas eles rapidamente se adaptam ao código de cultura dos adolescentes e abordam questões relacionadas ao seu cotidiano, para que os jovens achem mais fácil simpatizar com seu conteúdo".

Para o web-drama "A-Teen", a primeira temporada teve mais de 200 milhões de visualizações, a mais alta de todas as séries de drama baseadas na web no ano passado. Ele tirou tal feito devido à sofisticada representação do escritor dos sentimentos dos jovens adultos no ensino médio.

A música de fundo está na moda e algumas frases proferidas por atores são exibidas na tela para atrair a atenção do público mais jovem.

Ao contrário das séries de TV sobre adolescentes em que estrelas adultas interpretam adolescentes, os dramas da web lançam atores mais jovens.

Os programas de televisão são muito mais lentos para captar as tendências e tendem a se concentrar em assuntos mais dramáticos e pesados, em vez de tratar dos problemas com os quais os jovens estudantes lidam em suas próprias vidas.

Em "Beautiful World", uma série dramática de fim de semana na JTBC, por exemplo, a história gira em torno da violência escolar e se concentra nas tensões entre a vítima e os pais arrogantes do valentão que tentam defender seu filho mimado. Séries de TV como essa lutam para impressionar os adolescentes porque os alunos expostos ao bullying escolar estão preocupados com o conflito entre a vítima e o agressor, e não com seus pais.

Os dramas adolescentes costumavam ser populares na Coréia nos anos 2000. A popular série "School" foi ao ar na KBS entre 1999 e 2017. Devido ao seu sucesso, a série foi ao ar uma última temporada em 2017, mas sua audiência girava em torno de 5%.

"No passado, havia dramas que visavam certos grupos etários, como dramas para crianças, adolescentes e adultos. Mas em algum momento os dramas infantis e adolescentes desapareceram da telinha", disse Gong Hee-jeong, um crítico de teatro. "Em muitos casos de séries de TV coreanas, personagens com menos de 20 anos não são escolhidos para o papel principal, ao invés disso, desempenham papéis de apoio."


Fontes: (1)

Nenhum comentário

Pericles F Pellegrini. Tecnologia do Blogger.