PARK YOO-CHUN É PRESO POR USO DE DROGAS: ENTENDA O CASO


Park Yoo-chun, ator e ex-integrante do grupo JYJ, foi preso na sexta-feira por causa de seu suposto uso de drogas.

O Tribunal Distrital de Suwon emitiu um mandado de prisão para Park, de 33 anos, devido a alegações de que ele usava drogas junto com a neta do fundador de um produtor de laticínios.

Park é acusado de comprar 1,5 gramas de metanfetamina em três ocasiões entre fevereiro e março, junto com Hwang Ha-na, a neta presa do fundador e presidente honorário da Namyang Dairy Products Co., e de usar a droga cinco vezes.

O tribunal disse que ele apresenta um risco de fuga e destruição de provas.

Uma amostra de pêlos do corpo de Park Yoo-chun obtida em uma ação policial em sua casa no início do mês testou positivo para metanfetaminas, uma substância proibida na Coréia do Sul, em um teste de drogas da agência nacional forense.

A polícia solicitou um mandado de prisão para ele terça-feira, citando o risco de ele destruir provas.

Investigadores da polícia invadiram a casa de Park em Hanam, a leste de Seul, no dia 16 de abril, para revistar seu carro e telefone celular e coletar a amostra de cabelo.

Ele teimosamente negou as acusações de drogas contra ele.

Park Yoo-chun enfrentou acusações de drogas depois que Hwang, de 31 anos, foi presa no dia 6 de abril sob acusação de comprar metanfetamina e usar a substância ilegal em 2015. Ela teria confessado à polícia que uma estrela do entretenimento estava por trás do uso de drogas.

De acordo com policiais, Hwang fez comentários detalhados sobre o local e o horário do uso de drogas com Park Yoo-chun.

A polícia anteriormente obteve imagens de CCTV mostrando o artista pegando algo em torno de 20 a 30 minutos depois de provavelmente enviar dinheiro para uma conta bancária suspeita de pertencer a um traficante de drogas por meio de um caixa eletrônico em Seul.

Ele disse à polícia que enviou o dinheiro a pedido de Hwang, mas afirmou que não usava drogas.

Em 2017, Park anunciou planos de se casar com Hwang depois de sair com ela desde 2016, mas mais tarde ele cancelou o casamento e terminou com ela em 2018.

O caso do ator e cantor é o mais recente de uma série de alegações de drogas enfrentadas por várias estrelas de K-pop e celebridades da TV.

Seungri, ex-integrante do BIGBANG, e Robert Holley, um cidadão coreano naturalizado dos Estados Unidos e personalidade da TV, estão sob investigação por suspeita de uso ilegal de drogas.

Nenhum comentário

Pericles F Pellegrini. Tecnologia do Blogger.